Prefeitura de Gurupi firma parceria com Governo do Estado para construção de casas populares no município

Durante o encontro foram traçadas políticas públicas habitacionais para o município e apresentado o projeto do Governo do Estado, em parceria com o Governo Federal para a construção de casas populares no Tocantins, incluindo o município de Gurupi

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Na última segunda-feira, 03, o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano de Gurupi, Eremilson Leite, participou de uma reunião com o secretário de Estado das Cidades, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Thiago Benfica, e com o deputado estadual Gutierres Torquato, com o objetivo de definir a parceria do município junto aos governos estadual e federal para a construção de casas populares na cidade. Durante o encontro foram traçadas políticas públicas habitacionais para o município e apresentado o projeto do Governo do Estado, em parceria com o Governo Federal para a construção de casas populares no Tocantins, incluindo o município de Gurupi. Para isso, a gestão municipal será parceira e entrará com a doação de um terreno para a construção das residências. O secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Eremilson Leite, destacou que a Prefeitura de Gurupi não medirá esforços para viabilizar a área, uma vez que a palavra de ordem da prefeita Josi Nunes é "parceria" e que uma das metas da gestão é beneficiar a população com moradia por meio de programas habitacionais. "As casas deste projeto serão construídas com recursos do governo federal em parceria com o governo do estado, onde o município entrará com a doação do terreno. Serão estudadas as melhores áreas para Gurupi e será feito o plano habitacional para que quando o governo federal liberar os projetos, Gurupi esteja pronta para receber esse benefício. É uma determinação da prefeita Josi Nunes que nós façamos isso o quanto antes para Gurupi não correr nenhum risco de ficar sem esses projetos habitacionais", disse Leite. Também participaram da reunião o presidente da Fundação UnirG, Thiago Miranda, e os vereadores Jair do Povo e Marílis Fernandes.