Tocantins TOCANTINS

Secretaria da Segurança Pública do Tocantins implementa programa de estágio supervisionado para estudantes universitários

A Secretaria da Segurança Pública do Estado do Tocantins anunciou a implementação de um novo programa de estágio supervisionado, por meio de um regulamento interno para a Central de Estágio Supervisionado.

Por GG Notícias

29/05/2023 às 13:12:44 - Atualizado há

A Secretaria da Segurança Pública do Estado do Tocantins anunciou a implementação de um novo programa de estágio supervisionado, por meio de um regulamento interno para a Central de Estágio Supervisionado. O objetivo principal é estabelecer critérios claros para o recrutamento, seleção e acompanhamento de estágios obrigatórios dentro da instituição.

O programa de estágio, promovido pela Superintendência de Segurança Integrada (SSI), é direcionado a estudantes regularmente matriculados em instituições de ensino superior reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC).

O secretário da Segurança Pública, Wlademir Mota Oliveira, enfatizou que o programa tem como propósito preparar os estudantes para sua futura inserção no mercado de trabalho, oferecendo experiências produtivas e enriquecedoras. Ele ressaltou a importância dessa prática jurídica para os alunos de Direito e destacou que o regulamento permitirá que as universidades tenham a Segurança Pública como um grande laboratório para estudantes de diversas áreas, como Psicologia, Assistência Social e afins.

Fátima Holando Ubaldo, superintendente de Segurança Integrada, também ressaltou a relevância do programa de estágio para a população, destacando que essa é uma conquista histórica para a Secretaria da Segurança Pública. Além dos estudantes, a população será beneficiada, uma vez que poderá contar com um atendimento mais eficaz.

Sobre o programa, a Secretaria da Segurança Pública irá gerenciá-lo em conjunto com a Escola Superior de Polícia Civil (Espol) e a Gerência de Gestão de Pessoas. A Espol será responsável por direcionar os estudantes para as unidades interessadas em receber estagiários.

A duração do estágio obrigatório é limitada a um semestre letivo, com possibilidade de renovação por até dois anos.

Naima Worm, professora e coordenadora do Núcleo de Práticas Jurídicas da Universidade Federal do Tocantins (UFT), parabenizou a Secretaria da Segurança Pública pela iniciativa e ressaltou a importância pedagógica dos programas de estágio. Ela destacou que a parceria entre as instituições de ensino superior e a Secretaria promoverá a troca de conhecimentos e ideias, enriquecendo tanto as instituições quanto os estudantes.

A cerimônia de assinatura do regulamento contou com a presença de representantes da Universidade Católica do Tocantins, Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), Universidade Ulbra Palmas e União Educacional de Ensino Superior do Médio Tocantins (Unest/Paraíso).

Comunicar erro
GG Noticias

© 2024 GG Noticias - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GG Noticias