Suspeito de assalto é morto em confronto com a polícia após perseguição em Araguaína

Homem armado não obedece ordem de parada e troca tiros com policiais, resultando em sua morte.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Um episódio de assalto seguido de perseguição policial terminou em confronto armado e morte na cidade de Aragua√≠na, localizada no norte do estado. De acordo com informações da Pol√≠cia Militar (PM), um homem suspeito de cometer assaltos acabou sendo morto durante uma troca de tiros com os agentes neste s√°bado (24).

O crime ocorreu durante a tarde, próximo a um restaurante na região central da cidade. O suspeito, identificado como Willian Ernandes Morais de Souza, de 22 anos, estava conduzindo uma motocicleta quando abordou um homem e uma mulher nas proximidades do estabelecimento, por volta das 14h.

Foto: PM/TO

Ao ser dado o comando de parada pela equipe policial, o suspeito ignorou a ordem e, em vez disso, sacou uma arma de fogo e começou a disparar contra os militares. Em resposta à agressão, os policiais revidaram. O suspeito tentou fugir por alguns momentos, mas perdeu o controle da motocicleta e caiu.

Willian Ernandes foi prontamente atendido por paramédicos, porém, infelizmente, não resistiu aos ferimentos e faleceu no local da abordagem. A PM constatou que o suspeito foi atingido por quatro disparos, sendo um no antebraço esquerdo, outro no braço direito e dois na região frontal do tronco.

Durante a revista, foram encontradas joias que supostamente pertenciam às v√≠timas dos roubos praticados pelo suspeito, além de uma pistola. A motocicleta que ele conduzia estava com placa adulterada usando fita isolante e constatou-se que era produto de furto. As v√≠timas compareceram ao local e reconheceram o suspeito como o autor dos assaltos, bem como identificaram seus pertences encontrados com ele.

Foto: PM/TO

A PM também revelou que Willian Ernandes possu√≠a antecedentes criminais, incluindo registros por porte ilegal de arma de fogo, tr√°fico de drogas e roubo. Além disso, havia um mandado de prisão em aberto contra ele.

O corpo do suspeito foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) e os objetos apreendidos, juntamente com a arma de fogo e a motocicleta, foram encaminhados à delegacia da Pol√≠cia Civil de Aragua√≠na.

Esse incidente ressalta a complexidade e os riscos enfrentados pelas forças de segurança no combate à criminalidade. A ação r√°pida e corajosa dos policiais resultou na neutralização de um suspeito perigoso, garantindo a segurança da população local.