Tocantins

Tocantins Preparado para Enfrentar o Período Crítico de Queimadas com Quase 90% dos Municípios com Brigadistas Formados

Comitê do Fogo realiza ações de prevenção e conscientização, investindo na formação de brigadistas e queimas prescritas para combater as queimadas

Por Redação

08/08/2023 às 17:50:01 - Atualizado há
Foto: Divulgação

Enfrentando altas temperaturas e uma umidade do ar reduzida, o Tocantins entra no período crítico de queimadas. Contudo, os resultados de uma determinada força-tarefa são agora perceptíveis. O Comitê Estadual de Combate a Incêndio Florestal e Controle de Queimadas no Estado do Tocantins (Comitê do Fogo) tem trabalhado incansavelmente desde março para prevenir incêndios florestais e aumentar a capacidade de resposta durante os meses mais críticos, agosto e setembro. Esta preparação intensiva inclui visitas educativas e informativas, formação de brigadistas e queimas prescritas.

Com o início de agosto, o superintendente do Comando de Ações de Defesa Civil Estadual, coronel Erisvaldo Alves, enfatizou a relevância desse período: "Agosto e setembro representam um momento crítico, com baixa umidade do ar e temperaturas elevadas. Já estamos vivendo muitos dias sem chuva, o que resulta em vegetação seca. Durante essa época, nossos esforços são concentrados principalmente nas ocorrências, já que é quando os incêndios ocorrem. Então, nesse período, nossa ênfase se volta para combate e fiscalização."

O projeto "Foco no Fogo" realizou visitas a 1.677 propriedades rurais até o final de julho, impactando cerca de 10.585 pessoas. O Comitê do Fogo, liderado pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Tocantins (Semarh), realizou essa ação para conscientizar e prevenir incêndios florestais, obtendo sucesso internacionalmente e sendo reconhecido por sua eficácia.

Um destaque notável foi a formação de brigadas municipais, uma parceria entre a Defesa Civil Estadual, o Corpo de Bombeiros Militar, a Semarh e outros, resultando na adesão de 121 municípios, representando quase 90% das áreas do Estado. Além disso, as brigadas rurais foram formadas pelo Naturatins e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (SENAR/TO).

As queimas prescritas também tiveram um papel crucial nesse esforço. O Instituto Natureza do Tocantins (NATURATINS) e o Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (Prevfogo) realizaram ações de mitigação, como as queimas prescritas. Essas ações foram vitais para reduzir a intensidade dos incêndios futuros. Por exemplo, nas áreas federais, as queimas prescritas totalizaram 239.072 hectares, conforme mapeamento do MAPBIOMAS.

À medida que o Tocantins enfrenta os desafios das queimadas, o trabalho contínuo do Comitê do Fogo, a conscientização pública e o esforço na formação de brigadistas estão desempenhando um papel fundamental em proteger o estado contra os impactos devastadores das queimadas descontroladas.

Comunicar erro
GG Noticias

© 2024 GG Noticias - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GG Noticias