Do Mais Caro ao Mais Barato: O Preço do Gás de Cozinha em 12 Cidades do Tocantins

O Procon Tocantins revela as variações nos preços do gás de cozinha em todo o Estado, ajudando os consumidores a economizar.

Foto: Procon/TO

Foto: Procon/TO

O Procon Tocantins lançou uma análise abrangente sobre o preço do gás de cozinha em 12 cidades do Estado, e os resultados são surpreendentes. O levantamento realizado pelas equipes do Procon revelou uma grande variação nos preços do gás de cozinha, fornecendo informações valiosas para os consumidores que desejam economizar em suas despesas domésticas.

As equipes do Procon estiveram em 149 estabelecimentos nas cidades pesquisadas durante a última segunda-feira (23) e terça-feira (24), e o resultado do levantamento foi divulgado nesta quarta-feira (25). A intenção deste estudo é fornecer aos consumidores informações claras sobre os preços do gás de cozinha, permitindo que escolham locais com preços mais acessíveis.

A cidade de Colinas do Tocantins destaca-se como o local onde o botijão de gás apresenta o menor preço do estado, variando entre R$ 105 e R$ 120. Com uma variação de 14,29% nos 15 comércios pesquisados, Colinas do Tocantins é uma ótima opção para os moradores em busca de economia.

Em cinco cidades, o botijão de gás de cozinha é encontrado por R$ 110 no menor preço. No entanto, nas cidades de Palmas, Araguaína, Paraíso e Tocantinópolis, o produto é vendido com valores mais elevados.

Confira abaixo o levantamento de preços do botijão nas cidades pesquisadas:

  • Palmas: Varia de R$ 115 a R$ 135 em 24 comércios, com uma variação de 13,4%.
  • Araguaína: Varia de R$ 115 a R$ 130 em 22 comércios, com uma variação de 13,4%.
  • Colinas do Tocantins: Varia de R$ 105 a R$ 120 em 15 comércios, com uma variação de 14,29%.
  • Araguatins: R$ 110 em 4 comércios, sem variação.
  • Guaraí: Varia de R$ 110 a R$ 118 em 7 comércios, com uma variação de 7,27%.
  • Gurupi: Varia de R$ 115 a R$ 120 em 17 comércios, com uma variação de 4%.
  • Paraíso do Tocantins: Varia de R$ 118 a R$ 135 em 12 comércios, com uma variação de 14,41%.
  • Porto Nacional: Varia de R$ 115 a R$ 110 em 17 comércios, com uma variação de 4,55%.
  • Dianópolis: Varia de R$ 110 a R$ 125 em 9 comércios, com uma variação de 13,64%.
  • Tocantinópolis: Varia de R$ 124 a R$ 125 em 13 comércios, com uma variação de 1%.
  • Formoso do Araguaia: R$ 110 em 5 comércios, sem variação.
  • Miracema do Tocantins: Varia de R$ 110 a R$ 120 em 4 comércios, com uma variação de 9,09%.

Fonte: Procon Tocantins

De acordo com o superintendente do Procon Tocantins, Rafael Pereira Parente, é fundamental que os consumidores considerem essas variações antes de fazer sua escolha, visando à economia. Ele destaca que, devido à diversidade de marcas disponíveis no mercado, a pesquisa é uma ferramenta valiosa para adquirir o produto dentro do orçamento.

Por sua vez, o diretor de fiscalização, Magno Silva, orienta os consumidores a observar também as condições oferecidas pelos estabelecimentos, como descontos de acordo com a forma de pagamento e custos de entrega. Ele ressalta que os preços de entrega podem variar conforme a localidade, enfatizando a importância de uma pesquisa prévia antes de adquirir o gás de cozinha.

Caso os consumidores observem preços abusivos ou desejem denunciar irregularidades, o Procon Tocantins está pronto para ajudar. As denúncias podem ser feitas pelo Disque 151 ou pelo Whats Denúncia no número (63) 99216-6840. As denúncias devem ser formalizadas com a apresentação de comprovantes e fotos para auxiliar na apuração dos fatos.

Este levantamento do Procon Tocantins serve como um alerta aos consumidores e destaca a importância de pesquisar e comparar preços para fazer escolhas inteligentes. Compreender as variações de preço do gás de cozinha é fundamental para controlar os gastos domésticos e economizar.