Cidades

Justiça Prevalece: Condenação de Dois Homens por Homicídio em Palmeirópolis

Atuação do Ministério Público do Tocantins no Tribunal do Júri resulta em sentença de 12 anos de prisão para Rener Rodrigo Alves Barbosa e João Pedro de Souza pela morte de Izaqueu Rodrigues Alves.

Por Redação

03/02/2024 às 15:31:57 - Atualizado há
Foto: Reprodução

Em um desfecho marcante, o Ministério Público do Tocantins (MPTO) obteve êxito no Tribunal do Júri, contribuindo para a condenação de Rener Rodrigo Alves Barbosa e João Pedro de Souza a 12 anos de prisão pelo homicídio de Izaqueu Rodrigues Alves em Palmeirópolis.

O julgamento, ocorrido na última quarta-feira, 31, contou com a sustentação das qualificadoras pelo MPTO, destacando o motivo fútil e o uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima. O Conselho de Sentença acatou as qualificadoras, fundamentando a condenação.

O trágico homicídio teve lugar em dezembro de 2022, em uma praça no centro da cidade. Conforme os autos, a vítima foi perseguida implacavelmente pelos dois réus, sendo atacada sem chances de reação. Durante o confronto, Rener segurou Izaqueu enquanto João Pedro desferiu 10 golpes de faca em regiões vitais do corpo da vítima, que veio a óbito no local.

O promotor de Justiça Rogério Rodrigo Ferreira Mota, representando o MPTO no Tribunal, do Núcleo do Tribunal do Júri do Ministério Público (MPNujuri), avalia a possibilidade de recorrer da decisão judicial em busca de um eventual aumento da pena, reforçando o compromisso com a justiça e a busca pela segurança da sociedade.

Comunicar erro
GG Noticias

© 2024 GG Noticias - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GG Noticias