Segurança P√ļblica

Polícia Civil Prende Homem em Colinas do Tocantins por Agressão e Cárcere Privado

Suspeito também será indiciado por maus-tratos a animais encontrados em sua residência.

Por Redação

07/06/2024 às 19:13:40 - Atualizado h√°
Foto: SSP/TO

Na última segunda-feira, 3, a Polícia Civil do Tocantins, por meio da 4¬™ Delegacia de Atendimento à Mulher e Vulner√°veis (4¬™ DEAMV - Colinas do Tocantins), prendeu W.F.S., conhecido como "Nagiba", de 48 anos, pelos crimes de lesão corporal e c√°rcere privado no âmbito de viol√™ncia doméstica. A operação foi liderada pela delegada Olodes Maria de Oliveira Freitas Nobre e destacou a importância de ações r√°pidas e eficientes para proteger vítimas de viol√™ncia.

A ação policial teve início após uma ligação de emerg√™ncia feita pela própria vítima, que conseguiu acessar o celular do agressor enquanto ele estava distraído. "Em um momento de desespero, a vítima conseguiu ter acesso ao aparelho celular do agressor e, mesmo com muito medo, buscou o telefone da DEAMV na internet e conseguiu fazer uma r√°pida ligação informando o que estava acontecendo, bem como sua localização", relatou a delegada Olodes.

Na chegada dos agentes à resid√™ncia do suspeito, a vítima foi encontrada em estado de choque, apresentando lesões corporais evidentes, resultado das agressões sofridas. Ela havia sido mantida em c√°rcere privado por um período prolongado, sendo constantemente ameaçada para não denunciar os abusos.

Foto: SSP/TO

Além dos crimes de viol√™ncia doméstica, W.F.S. também foi autuado em flagrante por maus-tratos a animais. Na resid√™ncia, os policiais encontraram cerca de 50 aves, incluindo galos de briga, além de cachorros, gatos e pre√°s, todos mantidos em condições inadequadas. A pr√°tica de rinhas de galo, pela qual o suspeito era conhecido na cidade, agravou ainda mais a situação legal do acusado.

Após a prisão, W.F.S. foi encaminhado à Unidade Penal Regional de Colinas do Tocantins, onde ficar√° à disposição do Poder Judici√°rio. A r√°pida ação da Polícia Civil foi crucial para a libertação da vítima e a interrupção de um ciclo de viol√™ncia e terror que perdurava por um longo período.

A delegada Olodes destacou a importância da denúncia e a efici√™ncia da resposta policial. "Trata-se de mais uma ação exitosa da Polícia Civil do Tocantins, onde um homem que agredia e mantinha a própria companheira em c√°rcere privado foi preso e a vítima libertada, rompendo, assim, um ciclo de terror e viol√™ncia física e psicológica pelo qual a mulher passou durante um longo período", ressaltou.

Comunicar erro
GG Noticias

© 2024 GG Noticias - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GG Noticias
Acompanhantes em Goi?nia