Geral Tocantins

Procon Tocantins revela variação de até 149,53% nos preços de açougues em Palmas - Consumidores são alertados sobre os diferenciais

Fiscais do Procon Tocantins encontram discrepâncias significativas nos preços de carnes e pescados em estabelecimentos da capital

Por Redação

08/06/2023 às 18:30:00 - Atualizado há
Governo de Tocantins

Uma recente pesquisa realizada pelos fiscais do Procon Tocantins nos dias 6 e 7 de junho de 2023 revelou uma variação surpreendente nos preços de açougues em Palmas. Ao visitar 10 estabelecimentos e verificar o valor de 35 itens, foram encontradas diferenças significativas que podem impactar o bolso dos consumidores. O superintendente do Procon Tocantins, Rafael Pereira Parente, ressaltou que o objetivo da pesquisa é fornecer informações prévias aos consumidores para que possam se planejar melhor nas suas compras.

Entre os produtos analisados, a linguiça suína foi o item que apresentou a maior variação, sendo vendida por valores que variam entre R$ 15,99 e R$ 39,90, resultando em uma diferença de 149,53%, dependendo do local de compra. Em segundo lugar, o frango inteiro congelado também teve uma diferença significativa, com preços oscilando entre R$ 6,49 e R$ 14,99, uma variação de 130,97%. Já a linguiça calabresa registrou uma diferença de 125,06%, sendo comercializada entre R$ 19,99 e R$ 44,99.

No que diz respeito aos cortes bovinos, o filé foi o item com maior variação, apresentando preços que variam entre R$ 44,99 e R$ 69,99, o que representa uma diferença de 55,57%. Quanto aos cortes suínos, o pernil dianteiro com osso foi o produto com maior variação, sendo vendido entre R$ 18,99 e R$ 24,99, uma diferença de 31,60%. Já nos pescados, o quilo do tambaqui apresentou uma variação de 35,31%, com preços que variam entre R$ 16,99 e R$ 22,99.

Diante desses resultados, é importante ressaltar que não há tabelamento de preços que obrigue os estabelecimentos a manterem valores iguais. O gerente de fiscalização Magno Silva alerta que, inclusive, pode haver diferenças nos preços entre empresas da mesma rede. Além disso, promoções e outros fatores podem influenciar nas variações de preço. Por isso, é fundamental que os consumidores realizem pesquisas prévias para economizar.

Durante a compra de carne, o consumidor tem o direito de decidir a quantidade que deseja levar para casa, podendo ser desde meio quilo até a peça inteira. Nesse sentido, o atendente deve pesar apenas a quantidade solicitada, mesmo que o peso exceda o desejado. O consumidor não pode ser obrigado a levar mais do que solicitou, exceto nos casos de peças previamente embaladas a vácuo ou divididas em bandejas, onde não há a obrigatoriedade de fracionamento.

Além disso, é importante observar as condições sanitárias dos estabelecimentos. Os açougues devem estar limpos e livres de moscas, e as carnes devem ser armazenadas adequadamente em câmaras frias, sem exposição em cima do balcão em temperatura ambiente.

No Tocantins, é obrigatório que açougues, supermercados e comerciantes de carne em geral exponham, em local visível, informações como razão social, nome de fantasia, telefone, endereço e número de inspeção do frigorífico fornecedor dos produtos à venda, bem como o prazo de validade dos produtos.

Caso algum consumidor identifique irregularidades, é possível fazer denúncias por meio do Disque Denúncia 151 ou pelo WhatsApp Denúncia (63) 99216-6840. É importante fornecer todas as informações do estabelecimento, como nome, endereço e localização, e enviar fotos, vídeos, cupons fiscais ou qualquer documento que comprove a denúncia, auxiliando o trabalho da fiscalização. A nota fiscal ou o cupom fiscal são fundamentais para formalizar reclamações ou denúncias.

Ao se manter informado e tomar as devidas precauções, os consumidores podem exercer seus direitos e contribuir para um mercado mais justo e transparente. A pesquisa do Procon Tocantins serve como um alerta para a importância de pesquisar, comparar preços e estar atento à qualidade dos produtos adquiridos.

Comunicar erro
GG Noticias

© 2024 GG Noticias - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GG Noticias