Política Eleições 2022

Pesquisa aponta Eduardo Gomes e Dorinha como vitoriosos nas eleições 2022

Senador empata tecnicamente na liderança com Marcelo Miranda, mas tem metade da rejeição do ex-governador. Já a deputada federal lidera a corrida para o senado, seguida por Miranda e Carlos Gaguim.

Por Fernanda Cappellesso

17/12/2021 às 15:50:36 - Atualizado há


Uma pesquisa com intenção de avaliar o cenário eleitoral para 2022 foi realizada pelo site Tocantins 360º buscou avaliar a situação eleitoral do estado para as eleições do ano que vem nos cenários para governo e para senado. O resultado foi divulgado nesta sexta-feira, 17 de dezembro. De acordo com a pesquisa, se as eleições fossem hoje Eduardo Gomes seria eleito governador e Dorinha Seabra senadora.


Segundo dos dados da pesquisa, o ex-governador Marcelo Miranda e o senador Eduardo Gomes aparecem empatados tecnicamente na porcentagem de votos, que estima dois pontos a mais ou a menos. Miranda aparece com 19% e Gomes com 17%. O senador, por sua vez, apresenta rejeição bem menor que Miranda. O Ex-governador tem 18% de rejeição, enquanto Eduardo Gomes tem apenas 9%, ou seja, metade.

Outros nomes também foram apontados na pesquisa. Um deles é o do atual governador Wanderlei Barbosa que tem 8% das intenções de voto. O ex-prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas (Podemos), que já disse a colegas de legenda que não abre mão de ser candidato pontua apenas 6%, mesma porcentagem dee Osires Damaso pontuam com 6%. Os pré-candidatos Laurez Moreira, ex-prefeito de de Gurupi; Antônio Andrade, atual presidente da Assembleia Legislativa; Carlos Amastha, ex-prefeito de Palmas e a senadora Kátia Abreu aparecem com 4%. O ex-senador Atídes Oliveira têm 2%. Cerca de 23% dos entrevistados dizem não saber em quem votariam ou não optaram por não responder o questionamento. E, 3% dos entrevistados não votariam em nenhum dos candidatos.


Quando o assunto perguntado é em quem o eleitor não votaria de jeito nenhum para o governo a liderança fica empatada entre a senadora Kátia Abreu e o ex-governador Marcelo Miranda. Ambos chegam a 18% de rejeição. Ronaldo Dimas aparece com 12%; Eduardo Gomes com 9%; Wanderlei Barbosa 6%; Laurez Moreira 5%; Ataides Oliveira com 4%; Osires Damaso, Antonio Andrade e Carlos Amastha têm 2% de rejeição; 18% não sabe ou não respondeu e 4% não rejeita ninguém.


Vaga para o senado



De acordo com os dados da pesquisa, Dorinha tem a preferência de 20% dos entrevistados, contra 18% de Marcelo Miranda. Isso quer dizer que estão empatados tecnicamente dentro da margem de erro. Porém, Marcelo Miranda apresenta 18% de rejeição, enquanto Dorinha apenas 7%. Em terceiro lugar na disputa para o senado federal, aparece o deputado federal Carlos Gaguim (MDB) com 13% das intenções de voto e 11% de rejeição.


A senadora Kátia Abreu (PP), que está encerrando o mandato e pode concorrer à reeleição, tem 12% da preferência do eleitorado e a rejeição de 24%, que é a maior entre todos os pré-candidatos ao senado. Carlos Amastha e Antônio Andrade pontuam com 5% das intenções de voto e Laurez Moreira com 3%. Amastha tem 11% de rejeição. Laurez e Antônio Andrade tem 3% de rejeição. Cerca de 20% dos entrevistados não sabem ou não responderam em quais dos candidatos pretendem votar e 4% afirmam que não vão votar em nenhuma das opções apresentadas.

Comunicar erro
GG Notícias

© 2022 GG Notícias - Todos os direitos reservados.

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

GG Notícias